A paz voltou a reinar na rua onde a família de Ludmilla mora, na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio de Janeiro. Após muitas reclamações da vizinhança e até patrulha de polícia por conta das festas que a funkeira vivia fazendo, a cantora resolveu dar um sossego aos moradores.

Neste fim semana, Ludmilla organizou um grande pagode com churrasco para festejar o aniversário da mãe, Silvana. Mas a confraternização aconteceu em outro lugar: em uma casa em Caxias, na Baixada Fluminense, terra de Ludmilla.

Vídeos postados pela cantora em seu Snapchat mostram um pouco da farra, que aconteceu na tarde desse domingo. A festa estava animadíssima e cheia de convidados. E o pagode rolou solto em alto e bom som. Mas ninguém de Caxias (pelo menos até agora) reclamou do barulho.

Uma vizinha de Ludmilla na Ilha falou comemorou o “bom senso” da funkeira. “Parece que ela tomou juízo. Agora está tudo em paz, graças a Deus”, festejou uma moradora.

Ludmilla está morando sozinha em um apartamento de frente para a praia na Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Mãe, irmãos e outros familiares continuam morando no casarão com piscina e churrasqueira que a cantora comprou há cerca de dois anos na Ilha e que, agora, vive em um silêncio só.

Reprodução

Reprodução